Desporto

“O mais difícil é afastarmo-nos de algo em que acreditamos”, refere Bruno Lage

Ex-treinador do Benfica despediu-se dos adeptos, numa mensagem a que a agência Lusa teve acesso. Bruno Lage não esconde a mágoa por deixar o clube da Luz.

“Depois de me despedir do presidente, do diretor desportivo, do diretor-geral e de todos os jogadores, bem como de todos os que trabalham diariamente no Seixal, quero, agora, despedir-me de todos vocês, os adeptos, que são a essência deste clube único no mundo”, escreveu Bruno Lage, numa mensagem divulgada pela agência Lusa.

O técnico de 44 anos manifesta desilusão por deixar o Benfica. “O mais difícil é afastarmo-nos de algo em que acreditamos. E esse momento chegou”, refere.

E agradece ao Benfica, manifestando o desejo de que o sucesso seja retomado “rapidamente.”

“Muito obrigado. Que a onda vermelha volte rapidamente a apoiar a equipa nos estádios e a empurrá-la para novas conquistas. Agora, o mais importante é que o Benfica volte rapidamente às vitórias. E Pluribus unum”, realçou ainda.

Bruno Lage, recorde-se, saiu do Benfica depois da derrota dos encarnados no Funchal, diante do Marítimo, em jogo da 29.ª ronda da I Liga, resultado que deixou o clube da Luz praticamente afastado da luta pelo título – o FC Porto poderá mesmo sagrar-se campeão já na quinta-feira.

O Benfica tem Veríssimo como treinador interino e Luís Filipe Vieira está a tentar contratar Jorge Jesus, atual técnico do Flamengo.

0Shares

Em destaque

Subir