Motores

Nuno Madeira ‘aprendeu’ bastante na sua estreia com o Fiesta R5

Nuno Madeira e Filipe Serra estrearam-se aos comandos de um R5 no Campeonato de Portugal de Ralis. Uma nova experiência para a dupla habituada às provas de todo-o-terreno.

O piloto da SGS Car Racing testou o carro poucos dias antes do Rali Serras de Fafe, mas conseguiu alcançar os objetivos a que se propôs na prova da Demoporto, concluindo o rali e divertindo-se bastante com a condução do Ford Fiesta R5.

Foto: AIFA

“O Ford Fiesta é um carro muito fácil de conduzir e estável. Percebi, durante o rali que fiquei muito longe de utilizar o limite do carro a nível de motor. Foi, todavia, uma boa oportunidade para testar a minha condução num rali de terra e em termos de resultado superou as minhas melhores espetativas”, afirmou Nuno Madeira no final.

O piloto destaca também: “Consegui perder apenas 27 segundos em oito quilómetros para um dos melhores pilotos do mundo (Dani Sordo), com todos os desafios que tinha pela frente. Fico orgulhoso e, com toda a modéstia, não me lembro de uma estreia assim”.

Foto: Zoom Motorsport

Nuno Madeira referiu ainda que “participar num rali de terra num R5 era um objetivo que já tinha há algum tempo”, pois considera que a sua “forma de conduzir se adapta bem a este tipo de veículo”.

“Este carro é totalmente diferente do Sportage porque trabalha em rotações muito altas e as suspensões são surpreendentes. De referir o extraordinário trabalho do Filipe, que não cometeu um único erro, o que me fez ganhar confiança ao longo do rali. Por último, o objetivo passava também por me divertir e isso sem dúvida foi um ponto alto na minha participação, até porque tivemos várias pessoas a abordarem-nos e a referir que gostaram da forma como passámos”, concluiu Nuno Madeira.

4Shares

Mais partilhadas da semana

Subir