Tecnologia

NASA atacada por chineses 13 vezes em 2011

nasa1A informação parte mesmo da agência espacial norte-americana, que confirma que foi atacada mais de 10 vezes o ano passado. Organização revela que os ataques foram feitos a partir de IP’s chineses mas que os dados violados não foram identificados.

Na sequência do caso ocorrido na semana passada, em que um portátil da NASA foi roubado, contendo ao que tudo indica dados importantes sobre missões da agência norte-americana, agora foi a vez de um responsável recordar o ano passado.

Em 2011, a agência espacial norte-americana foi atacada e violada num total de 13 vezes. Quem o confirma é Paul Martin, um inspetor da NASA, que marcou presença no Congresso dos Estados Unidos.

Os ataques terão permitido aos hackers acederem a informação confidencial relativa a várias missões espaciais, presentes no Laboratório de Propulsão a Jato, mas para já são desconhecidos os males que esta fuga poderá vir a causar no futuro. Paul Martin revela no entanto que a violação dos sistemas da NASA deu a possibilidade aos piratas de acederem, alterarem ou mesmo apagarem informação importante.

Outro dado relevante é a origem dos ataques. Segundo a NASA, a maioria foi feita a partir de IP’s chineses, o que levanta a questão de alegado roubo de informação para organizações daquele país. Na maioria dos casos, a porta de entrada foram mais uma vez computadores portáteis, sistemas que têm a partir de agora os dados encriptados, uma falha que a NASA assume até então.

Em destaque

Subir