Mundo

Mulher morre em autoestrada depois de abandonada pelo marido na via

Um homem abandonou a mulher, em plena autoestrada (em Itália, na ligação entre Gênes e Val d’Aoste), depois de uma discussão entre o casal. A mulher, de 37 anos, viria a morrer atropelada. O incidente ocorreu no passado sábado.

Uma mulher morreu atropelada numa autoestrada, após uma discussão com o marido, que levou este a obrigá-la a sair da viatura, com a bagagem. O incidente que custou a vida à vítima, de 37 anos, ocorreu na região norte de Itália, entre Gênes e Val d’Aoste, segundo avança a agência Lusa, citando o diário La Stampa.

Depois de obrigada a sair do automóvel, Claudia Tolu, de 37 anos, terá percorrido alguns quilómetros pela faixa de emergência da A26, até que foi colhida por uma viatura, não resistindo aos ferimentos.

O casal, de Val d’Aoste, estaria a regressar a casa, quando começou a discutir de forma violenta. O marido, de 47 anos de idade, obrigou-a a sair do carro em plena autoestrada.

Naquelas circunstâncias, a mulher caminhou na faixa de emergência e terá percorrido cerca de 20 quilómetros, até ser colhida, durante a noite, por um veículo. As autoridades estão a investigar o caso.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir