Economia

“Muitas pessoas ganham mais do que deviam”, diz Ferraz da Costa

Pedro Ferraz da Costa criticou a falta de avaliação dos salários, afirmando haver casos em que “muitas pessoas ganham mais do que deviam”. “Está muito mal repartido”, frisou o presidente do Fórum para a Competitividade.

Numa entrevista ao I, hoje citada pelo Sol, o empresário sustentou que uma análise aos salários em Portugal não se pode ficar por um termo tão redutor como “baixos”.

“Não estou a dizer que os salários devem ser altos ou baixos. Acho que para muitas pessoas até são mais altos do que deviam, pois não deviam ser tão altos para os que apresentam maior absentismo ou para os que não se importam com o que se passa ou para os que ficam em casa”, considerou.

“Está muito mal repartido”, afirmou Ferraz da Costa.

“Tinha de haver uma avaliação mais séria, se calhar devia-se apostar numa parte variável” contrapôs, embora lamentando a oposição a esta ideia do sindicalismo nacional, “comandado por líderes comunistas”.

Mais partilhadas da semana

Subir