Ciência

Morreu Nobel da Física de 2000 Jaurès Alferov

O cientista russo Jaurès Alferov, co-vencedor do Prémio Nobel de Física em 2000 pelo seu trabalho em semicondutores e tecnologias relacionadas com laser, morreu hoje, aos 88 anos, informou a sua mulher.

Jaurès Alferov, que recebeu o prémio juntamente com os norte-americanos Herbert Kroemer e Jack Kilby, foi o primeiro russo a ser contemplado com o galardão, depois do então líder soviético Mikhail Gorbachev ter arrecadado o Nobel da Paz, em 1990.

Jaurès Alferov impulsionou a ciência russa na era pós-União Soviética.

O físico também era um deputado comunista na Duma.

O seu trabalho pioneiro levou a aplicações práticas, que são usadas atualmente para satélites, telemóveis, ‘scanners’ e códigos de barras.

Mais partilhadas da semana

Subir