Motores

Miguel Ramos não ‘esmorece’ para Barcelona apesar da penalização de Silverstone

Miguel Ramos não perde o foco em relação aos seus objetivos na prova do International GT Open que no próximo fim de semana se cumpre em Barcelona.

A penalização aplicada ao Mercedes AMG # 10 na segunda corrida de Silverstone fez o piloto português e o seu companheiro de equipa, Fabrizio Crestani, atrasarem-se no campeonato, mas Ramos está determinado a sair do Circuito da Catalunha com um bom resultado.

O piloto de Vila Nova de Gaia assume que a tarefa para este fim de semana não será fácil, numa altura em que faltam quatro provas para o final do campeonato: “A penalização que sofremos em Silverstone, fez com que em vez de recuperar pontos em relação aos primeiros, ainda nos atrasássemos mais”.

“Claro que assim ficou tudo muito mais difícil, senão impossível, mas não esmorecemos e tanto nas duas corridas de Barcelona, assim como nas duas ultimas quando da visita a Monza, tudo faremos para conseguir o melhor resultado”, reitera Miguel Ramos

As contas complicaram-se para o piloto português, tendo-se o fosso dilatado para 28 pontos. Albert Costa e Giacomo Altoè graças à dupla vitória em Inglaterra estão na frente, mas nada descansados, pois em Barcelona vão ser eles a ter mais ‘handicap.’

Os dois McLaren da Teo Martin tripulados por Chaves-Kodrić e Fran Rueda-Saravia, estão apenas a 17 e 22pontos atrás, e logo de seguida vem a dupla Grenier-Siedler a 23 pontos de distância com a consistente dupla Ramos-Crestani imediatamente atrás a 28 pontos. Como se percebe há imenso ainda em disputa em termos destes ajustes no topo da tabela.

0Shares

Em destaque

Subir