Mundo

Migração líquida de europeus no Reino Unido é a mais baixa desde 2013

A migração líquida de longo prazo de cidadãos europeus no Reino Unido foi de 101 mil pessoas em 2017, a mais baixa desde 2013, segundo dados publicados hoje pelo Instituto Nacional de Estatística (ONS) britânico.

Em comunicado, o ONS indica que cerca de 280 mil pessoas chegaram, a mais, ao Reino Unido, no ano passado, do que saíram.

Apesar de a migração líquida – a diferença entre o número de pessoas que vivem no Reino Unido e aqueles que emigraram – continuar a “adicionar população”, esse número caiu dos níveis recordes alcançados em 2015 e no início de 2016, refere o ONS.

No total, o número de pessoas que chegaram ao Reino Unido até dezembro de 2017 foi de 630 mil, enquanto as que o deixaram foram 350 mil, o que, segundo a organização, a emigração sofreu um ligeiro aumento desde 2015.

O Instituto Nacional de Estatística também divulgou que a migração líquida de países fora da União Europeia aumentou para 227 mil, a maior desde setembro de 2010.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir