Nas Redes

O que é o Meltdown, a falha que está a afetar vários computadores?

O Meltdown e o Spectre são, empiricamente, duas falhas encontradas que estão a afetar o processamento de todos os equipamentos eletrónicos, permitindo que hackers acedam a toda a informação anexada num computador.

Na tradução à letra, Meltdown significa derretimento, estando normalmente associado ao ‘nuclear meltdown’ – fusão de reator nuclear.

Os investigadores que descobriram esta falha informática, contudo, justificam a escolha do nome como que um “derreter de barreiras de segurança que um componente físico eletrónico costuma ter.

De acordo com esses investigadores, esta falha afeta a grande maioria dos processadores da Intel – a maior empresa a produzir este tipo de componentes.

Por se tratar de uma falha intimamente ligada à Intel, o Meltdown ganha novas repercussões pelo facto desses processadores serem utilizados em serviços de ‘cloud’, na nuvem. Nesse sentido, empresas como a Amazon e a Microsoft foram obrigadas a analisar detalhadamente esses serviços, levantado várias dúvidas sobre a segurança e velocidade do serviço.

Segundos os peritos na matéria, o Meltdown é o erro que precisa de uma “solução mais urgente”.

Numa palavra, esta falha permite que um hacker tenha acesso ao computador, crie um programa que aceda à memória de um processador e, por conseguinte, descodifique e copie toda a informação processada.

Veja o vídeo exemplo do Meltdown em ação, da autoria de um dos investigadores que descobriu a falha.


Mais partilhadas da semana

Subir