Fórmula 1

McLaren vira-se para o ciclismo profissional

A McLaren vai aplicar os seus conhecimentos no ciclismo profissional ao anunciar uma ‘joint venture’ com a equipa do UCI World Tour Bahrain Merida.

O Grupo McLaren, através da sua companhia McLaren Applied Technologies (MAT), vai ser parceiro a 50% da equipa, sendo uma forma de voltar como vencedora aos grandes palcos internacionais.

Anteriormente a MAT colaborou com o construtor de bicicletas californiano Specialized, ajudando o Team Grã-Bretanha a longo prazo, utilizando os conhecimentos que a McLaren adquiriu na Fórmula 1.

Sobre a nova parceria com a Bahrain Merida, John Allert, chefe de marketing da McLaren, referiu: “As corridas, a tecnologia e a performance humana estão no centro de tudo o que fazemos. O ciclismo é algo em que estamos envolvidos há algum tempo e queremos continuar por mais algum. Encaixa naturalmente nas nossas capacidades e nas nossas ambições e é uma parceria perfeita a que agora temos com o Team Bahrain Merida e a forma certa de abordar o fututo”.

“Vamos trabalhar arduamente ao longo dos meses, já que sabemos que o mundo do ciclismo profissional tem alguns dos melhores atletas e equipas do desporto”, acrescentou o mesmo responsável, que anuncia uma parceria que surge apenas horas depois da Sky – uma das equipas mais bem sucedidas do World Tour – ter anunciado que 2019 será o seu último ano de competição.

9Shares

Mais partilhadas da semana

Subir