Fórmula 1

McLaren vai ‘beber’ Coca-Cola nas últimas corridas de 2018

A McLaren pode estar a atravessar uma crise, mas continua a ser a segunda equipa mais antiga da Fórmula 1. Isto dá-lhe estatuto, o que leva ao contrato de patrocínio agora firmado com o ‘gigante’ dos refrigerantes Coca-Cola.

Na sequência deste acordo, os monolugares de Woking vão alinhar no Grande Prémio dos Estados Unidos, já este fim de semana, e também nas provas do México, Brasil e Abu Dhabi com as cores da Dasani Sparkling e da SmartWater.

Embora seja um patrocínio válido por quatro grandes prémios está em aberto a continuidade desse apoio, caso esta ligação corra bem, sendo que embora a Coca-Cola tenha já estado envolvida no passado na F1, através da Burn, ‘sponsor’ da Lotus em 2012 de 2013.

Para além das cores da marca serem exibidas nos McLaren, também o estarão nos fatos de competição dos seus pilotos, Fernando Alonso e Stoffel Vandoorne, sendo visto pelo patrão da equipa, Zak Brown, como um forte impulso moralizador da equipa, que está honrada por uma parceria com uma marca tão prestigiada, ao mesmo tempo que explora as “oportunidades que surgem na Fórmula 1”.

1Shares

Em destaque

Subir