Motores

Luís Delgado em Paredes ainda a adaptar-se ao DS3 R5

Já com o título de Campeões Norte de Ralis ‘no bolso’, Luís Delgado e André Carvalho foram para o Rali de Paredes com a missão de fazerem mais quilómetros no Citroën DS3 R5 que estrearam no Algarve. E conseguiram-no segundo também segundos na prova do CAMI.

A intempérie que marcou o fim de semana no concelho de Paredes não aconselhava grandes ‘aventuras’, por isso Luís Delgado ‘jogou’ sempre ‘pelo seguro’. Arriscou menos quando as condições de aderência assim aconselharam.

O piso molhado, intercalado com partes húmidas a secar, na fase inicial do segundo dia, só veio dificultar as escolhas de pneus por parte do piloto de Chaves, que assim partiu para a última ronda das especiais de domingo com pneus que não estavam adequados às condições.

“Sabíamos que dificilmente nos poderíamos bater com o João Barros. Por isso fomos mantendo o andamento que podíamos. Também não tínhamos os pneus mais adequados para o tempo que se fez sentir nas duas últimas classificativas, por isso jogamos pelo seguro”, explicou Luís Delgado.

O piloto transmontano acentua ainda: “Ainda não fizemos os quilómetros que queríamos com o DS3 R5. Preciso de mais adaptação para me sentir à vontade com ele. Mas este resultado acaba por ser um bom indicador”.

Mais partilhadas da semana

Subir