Economia

Livro analisa papel da banca no crescimento e a sua responsabilidade na crise

capa livro banca portugal‘A Banca em Portugal e a Economia Verde’ será apresentado na Fundação Luso-Americana, em Lisboa, a 20 de novembro (17h00). O papel da banca nas estratégias de desenvolvimento e a sua responsabilidade na atual crise é a temática deste livro.

O poder das instituições de crédito para a promoção do bem-estar social e de uma nova economia sustentável, são alguns dos temas abordados no livro “A Banca em Portugal e a Economia Verde”, da autoria da economista Sofia Santos.

Na obra – e face aos que defendem que a crise financeira que deflagrou em 2008 poderia ter sido evitada – Sofia Santos aponta as fragilidades existentes na banca atualmente no que diz respeito à forma como o risco das empresas é analisado.

Do ponto de vista da autora, a grande maioria dos bancos portugueses reconhece que os riscos ambientais dos projetos aos quais emprestam dinheiro são muito importantes no processo de empréstimos, mas apenas um banco atribuía muita importância a esse fator na determinação das condições financeiras do empréstimo.

O livro evidencia assim a falta de conhecimento generalizado sobre os desafios futuros que irão afetar as empresas portuguesas.

Por outro lado, a autora fala da iminência do aparecimento de uma nova geração de bancos, especialistas e especializados, que analisam e agem em conformidade com as tendências futuras dos setores em que operam, que conhecem os seus clientes e os aconselham de forma ativa e criteriosa.

Estes bancos, normalmente chamados de bancos éticos, têm apresentado resultados financeiros bastante melhores do que os bancos tradicionais.

Viriato Soromenho Marques irá discutir o papel da banca em Portugal para o desenvolvimento de uma economia verde no dia 20 de novembro, pelas 17h00, no auditório da Fundação Luso-Americana.

Em destaque

Subir