Fórmula 1

Lando Norris sente que tem aspetos a melhorar na sua abordagem

Lando Norris teve uma primeira temporada de Fórmula 1 muito positiva, mas admite que tem de melhorar os seus níveis de concentração.

O jovem britânico da McLaren terminou o campeonato na 11ª posição no campeonato de pilotos, com um total de 49 pontos, que não reflete bem aquilo que fez em pista.

Na comparação com o seu companheiro de equipa, Carlos Sainz Jr, Norris acabou por ficar distante, ainda que por várias vezes tenha ombreado com o espanhol em termos de performance, tanto em qualificação como em corrida.

Apesar de não desejar mudar a sua personalidade, afável e às vezes mesmo brincalhão, Lando considera que se tem de concentrar mais: “Em certos aspetos fui demasiado relaxado e tive demasiada diversão. Depois tornei-me mais sério. Acho que não me concentrei tanto como devia, e trabalhado em áreas em que o devia ter feito. Acho que tomei um bocado as coisas como garantidas”.

“Foi bom e pude usufruir a minha primeira época (na F1). Cheguei e vi-me rodeado por tantas coisas sérias e pessoas do mesmo modo. Ao mesmo tempo penso que isso também ajudou a minha capacidade para trabalhar em diversas coisas e a melhorar como piloto. Talvez muitas vezes tenha exagerado ao ser demasiado brincalhão e não me concentrar tanto como devia”, admite o jovem britânico.

Para Lando Norris há que encontrar um meio-termo: “Há um compromisso. Ainda quero divertir-me às vezes, usar a minha roupa em vez das coisas da McLaren. Coisas do género”. Uma alusão à sua atitude um pouco ‘goofy’ no ‘paddock’, que faz lembrar um pouco Daniel Ricciardo, um dos seus amigos no pelotão da F1.

A comparação da personalidade do titular do McLaren # 4 com a do australiano da Renault torna-se inevitável. Para Norris isso valida uma personalidade mais brincalhona de um piloto de Fórmula 1. “Não acho que seja sempre brincalhão. Nos seus (nove) anos de F1 teve momentos para ser sério e provar o que valia, e isso permitiu-lhe mostrar mais dele próprio. Certo é que não vou deixar as pessoas usarem isso comigo como uma desculpa e dizerem que não levei o meu primeiro ano de forma série”, afirma.

Lando Norris diz que o tempo se vai encarregar de ajustar a sua postura: “Com o tempo vou estar mais relaxado como ele, mas penso que tenho de encarar de forma mais séria o que quero ser para outros não usarem isso como desculpa”.

2Shares

Mais partilhadas da semana

Subir