Insólito

Lady Gaga: Concerto na Indonésia banido porque a cantora é sexy

lady_gaga5Lady Gaga tinha um concerto marcado para Indonésia, em Jacarta, mas a polícia já anunciou que não será emitida a licença para o espetáculo. O cancelamento resulta da dança sexy da cantora, que pode inspirar os mais jovens.

O concerto de Lady Gaga na Indonésia está cancelado, por falta de licença para o espetáculo, por razões que se prendem com a ética. A polícia nacional da Indonésia revelou, através do porta-voz Saud Usman Nasution, que “não vai ser emitida a licença para o concerto” de Gaga.

Este concerto, com data marcada para 3 de junho, já tinha lotação esgotada. No entanto, Lady Gaga é acusada de adotar danças sexy, nos seus espetáculos, o que choca com a ética e pode influenciar comportamentos dos mais jovens.

O cancelamento surge após acusações feitas pela Frente de Defensores do Islão. Este grupo islâmico ultra-ortodoxo já prometera ações de protesto e pressionara as autoridades da Indonésia.

A polícia assegura que não existe qualquer problema com a artista, mas revelou que estava impedida de emitir a licença. Sem este documento, a organização não pode realizar o concerto da norte-americana Lady Gaga.

Outro porta-voz da polícia revela à France Presse que “muitos líderes da Indonésia consideram que Lady Gaga não merece atenção”, uma vez que apresenta roupas e danças “muito sexy e eróticas”, o que poderá, segundo temem as autoridades, influenciar a população jovem.

A estrela norte-americana era auardada pelos fãs indonésios, que desesperavam pela digressão asiática do concerto ‘Born This Way Ball’. Estes jovens esperam agora que a organização consiga realizar o espetáculo noutro.

O concerto iria ocorrer no estádio Gelora Bung Karno, que tem capacidade para 52 mil pessoas. Cerca de 50 por cento dos bilhetes para o concerto de Lady Gaga ‘voou’ em apenas duas horas…

Apesar desta procura, dezenas de organizações são contra os concertos da cantora, extremamente criticada por grupos religiosos, não só na Indonésia como outros países asiáticos. Gaga já foi alvo de inúmeros apelos a boicotes em concertos.

Mais partilhadas da semana

Subir