Motores

Kyalami pode ser destino futuro para o ‘Mundial’ de Resistência

O circuito sul-africano de Kyalami, ‘palco’ de grandes prémios de Fórmula 1 no passado, está a ser avaliado como futuro destino do Campeonato do Mundo de Resistência (WEC)

A pista foi cenário para uma prova de 9 Horas que encerrou o Intercontinental GT Challenge no passado fim de semana, e crescem os rumores de que poderá vir o traçado substituto da corrida do WEC 2019/2020 prevista para fevereiro em Interlagos, no Brasil.

A confirmar-se esta possibilidade será o regresso do ‘Mundial’ de Resistência a Kyalami, que recebeu a competição na década de 1980.

“Durante todo o ano olhamos para possíveis novos destinos para o automobilismo e as corridas de endurance. Kyalami é um circuito que temos de considerar seriamente, porque é um lugar que tem história”, afirmou o promotor do WEC.

Gerard Neveu também falou do facto de ter estado nas 9 Horas de Kyalami e inteirar-se das condições atuais da pista sul-africana, como fez questão de explicar: “Foi uma boa oportunidade ara visitar o meu amigo Stéphane Ratel. Passamos um bom tempo e tivemos um bom jantar, apreciando o evento, o que é sempre bom. Eles atualizaram muito bem a pista, mas mantiveram o espírito da mesma. É Kyalami 2.0, a nova versão, e é muito boa”.

“Falei com equipas e pilotos, porque estavam lá muitos pilotos do WEC. Todos pareceram muito entusiastas. Também temos em conta a opinião dos ‘media’, que também gostou e estava também muito contente. Sinto que as pessoas locais estão muito envolvidas nesta história. É uma possibilidade que temos que estudar seriamente”, referiu também o promotor do ‘Mundial’ de Resistência.

1Shares

Mais partilhadas da semana

Subir