Motores

Kamui Kobayashi dá o mote pela Toyota nos treinos em Le Mans

O antigo piloto de Fórmula 1 Kamui Kobayashi foi o mais rápido nos treinos livres das 24 Horas de Le Mans, realizados na tarde de hoje no circuito de La Sarthe.

Aos comandos do TS050 Hybrid # 7 o japonês efetuou uma volta aos 13 quilómetros do traçado francês em 3m18,091s, suplantando em 1,840s o também ex-piloto de F1 Stoffel Vandoorne.

O belga, ex-piloto da McLaren na Fórmula 1, foi, durante grande parte da sessão o mais rápido em pista aos comandos do BR1 AER # 11 da SMP Racing, antes de ser suplantado a 15 minutos do fim por Kobyashi, nuns treinos marcados pela aparição da chuva e por um acidente que provocou a amostragem de uma bandeira vermelha. Tracy Krohn não evitou ‘bater’ com o seu Ferrari 488 nas Hunnaudiéres entre as duas chicanes.

Gustavo Menezes chegou a estar no topo da tabela de tempos a 40 minutos do final, mas a equipa do Rebellion R13 # 3 teria de se contentar com o terceiro tempo, a 1,869s de Kobayashi.

O top cinco foi completado pelo Toyota # 8 de Sebastien Buemi e pelo Rebellion # 1 de Neel Jani, enquanto Paul-Loup Chatin foi o mais rápido em LMP2, no Oreca 07 # 48 da IDEC Sport. Uma categoria onde o Ligier JSP217 de Filipe Albuquerque, o # 22 da United Autosport, se quedou pelo sétimo registo.

Em GTE Pro o mais veloz foi Michael Christensen, no Porsche 911 # 92, que realizou uma volta a La Sarthe em 3m52,149s, batendo por três décimas o seu companheiro de marca, Mathieu Jaminet, no 911 # 94, enquanto Sam Bird ficou a mais três décimas no Ferrari 488 # 71 da AF Corse. O BMW M8 GTE de António Félix da Costa, o # 82, quedou-se pelo sexto tempo.

Finalmente em GTE AM Matt Campbell fez o melhor tempo no Porsche 911 $# 77 da Dempsey-Proton, enquanto Pedro Lamy, no Aston Martin Vantage # 98 foi o terceiro mais rápido, a mais de quatro décimas do australiano.

Mais partilhadas da semana

Subir