Nas Notícias

Jovem com covid-19 acusado de violar confinamento obrigatório

Um jovem de 20 anos infetado com covid-19 foi formalmente acusado pelo Ministério Público (MP) de Lagos pelo crime de desobediência, depois de ter violado o confinamento obrigatório.

De acordo com a Procuradoria da Comarca de Faro, o suspeito, de uma nacionalidade estrangeira não especificada, foi obrigado pela autoridade de saúde local a permanecer no domicílio, por estar infetado com o novo coronavírus.

No entanto, “o arguido foi detetado no dia 26 de junho, pela Polícia de Segurança Pública, a conduzir um veículo automóvel na rua, violando desse modo a obrigação de confinamento obrigatório no seu domicílio e que lhe tinha sido imposta pela autoridade de saúde local”, de acordo com a Procuradoria.

Em consequência, o MP da secção de Lagos do Departamento de Investigação e Ação Penal de Faro “deduziu acusação para julgamento em processo abreviado […] pela prática de um crime de desobediência agravada”, complementou a Procuradoria de Faro.

0Shares

Em destaque

Subir