Motores

José Correia num traçado ao seu gosto e onde vai “confirmar a evolução com o Osella”

José Correia e os restantes pilotos da Vettra Motorsport chegam à Rampa da Serra da Estrela apostados em conseguir um bom resultado em cada uma das categorias onde se apresentam.

O piloto de Braga volta a tripular o Osela PA2000 Evo2, ao qual se continua a habituar, parecendo cada vez mais adaptado ao protótipo adquirido este ano.

Fotos: Zoom Motorsport

No ponto mais alto de Portugal Continental José Correia enfrenta um dos seus traçados preferidos devido à sua configuração, apostando em ser cada vez mais rápido, conforme se vai habituando à condição do Osella.

“À medida que nos vamos adaptando ao carro, os resultados também começam a aparecer e vamos estando cada vez mais próximos dos mais rápidos. A Rampa Serra da Estrela tem um traçado de que gosto, muito variado e com forte inclinação, com zonas técnicas e outras partes mais rápidas. Vou tentar lutar pelos primeiros lugares e confirmar a evolução com o Osella”, afirma o Campeão Nacional de Montanha da categoria de GT.

Mas a ‘ofensiva’ da Vettra Motorsport na prova do CAMI também se faz com Gabriela Correia, aos comandos do Seat Leon MKIII, por Pedro Marques, no Cupra TCR, e por Augusto Vasconcelos, no Ford Escort MKI.

Nas edições anteriores a rampa situada nos arredores da Covilhã tem sido favorável à equipa minhota, pelo que o seu responsável está otimista que os seus pilotos façam uma boa operação no Campeonato de Portugal de Montanha JC Group.

“Precisamos de consolidar a velocidade demonstrada pelos nossos pilotos em resultados, de forma a amealhar o máximo de pontos para as diversas categorias e classes”, afirma Luís Borges antes da prova deste fim de semana.

7Shares

Mais partilhadas da semana

Subir