Motores

João Lopes quer juntar vitória em Fronteira ao título nacional

JoaoLopesFronteira115

João Lopes quer vencer as 3 Horas TT de Fronteira – prova complementar às 24 Horas da vila alentejana – e assim juntar esse êxito ao título de campeão nacional de todo-o-terreno na categoria de Buggy/UTV.

O piloto que na Baja 500 de Portalegre fez a estreia mundial do Polaris Turbo, está ciente de que tem o que é necessário para discutir o triunfo nesta grande festa de final de época do TT nacional.

A terceira posição conseguida na última prova do campeonato permitiu perceber as potencialidades do novo Polaris. “Foi um excelente teste a esta nova máquina. Sem pressão de resultado foi possível apertar com ela para ver o que teremos de corrigir para o próximo ano. Estou muito satisfeito com o seu potencial”, referencia João Lopes.

“O trabalho incidiu sobretudo na embraiagem, mas ainda temos bastante para evoluir particularmente ao nível de velocidade de ponta. Mas, isso tem de ser feito com recurso à eletrónica e não houve tempo. Fica para a próxima temporada”, refere também o piloto de Torres Vedras.

JoanaLopesFronteira115

A seu lado em Fronteira João Lopes vai ter a sua irmã Joana, que vai receber na vila alentejana o prémio referente ao seu segundo lugar absoluto no Desafio Polaris ACE. O piloto torreense destaca o facto de ela ser “muito regular e consistente e apesar de não ser o piloto mais rápido tem a organização e disciplina que é preciso para estar sempre nos lugares de topo”.

“Penso que este primeiro Desafio Polaris Ace foi muito positivo porque os carros são todos iguais o que aumenta o nível de competitividade e torna as provas ainda mais interessantes. Acho que este Desafio é muito interessante e penso que no próximo ano muitos outros pilotos se vão juntar para competir no troféu”, salienta ainda o piloto da JL Racing.

1Shares

Mais partilhadas da semana

Subir