Nas Notícias

Joana Marques Vidal afastada, Lucília Gago nomeada procuradora-geral da República

A Presidência da República acaba de anunciar a nomeação de Lucília Gago como procuradora-geral da República, sucedendo no cargo a Joana Marques Vidal.

A decisão de não reconduzir Joana Marques Vidal partiu do Governo, como indica a nota publicada por Belém.

“O Presidente da República, sob proposta do Governo, decidiu nomear procuradora-geral da República a senhora procuradora-geral adjunta, Lucília Gago, com efeitos a partir de 12 de outubro de 2018”, refere o texto da Presidência.

A mesma nota lembra que Marcelo Rebelo de Sousa “sempre defendeu a limitação de mandatos, em homenagem à vitalidade da democracia, à afirmação da credibilidade das instituições e à renovação de pessoas e estilos, ao serviço dos mesmos valores e princípios”.

Outro motivo que levou o Presidente a escolher Lucília Gago foi a “sua carreira e atual integração” na Procuradoria-Geral da República, “o centro da magistratura”, em continuidade com “a linha de salvaguarda do Estado de direito democrático, do combate à corrupção e da defesa da Justiça igual para todos, sem condescendências ou favoritismos para com ninguém”.

Ao citar este argumento, Marcelo lembrou que essa “linha de salvaguarda” foi “dedicada e inteligentemente prosseguida” por Joana Marques Vidal.

17Shares

Mais partilhadas da semana

Subir