Nas Notícias

Joacine “deve andar a fumar coisas perigosas, talvez até ilegais”, reage Ventura

André Ventura ficou surpreendido com as declarações de Joacine Katar Moreira, depois da deputada sem partido ter dito que tinha sido convidada por Ventura a juntar-se ao Chega.

Foi ao participar no ‘Cinco para a Meia-noite’, da RTP, que Joacine revelou esse convite, acrescentando de imediato que o tinha considerado “irónico”.

Sem qualquer ironia, André Ventura garantiu, em declarações ao Correio da Manhã, que seria incapaz de formular tal convite.

“O Chega nunca aceitará, enquanto eu for líder, pessoas que entendam que devemos pagar indemnizações às ex-colónias ou que os polícias portugueses são maioritariamente racistas. Nunca”, sustentou.

Ventura acrescentou que “a deputada do Livre”, partido que retirou a confiança política a Joacine Katar Moreira, “deve andar a fumar coisas perigosas, talvez até ilegais”.

O deputado do Chega teve ainda tempo para atacar alguns colegas: “Sou cordial com ela, como sou com todos os deputados, embora alguns não me respondam nem me cumprimentem. É a democracia que temos”.

Recorde-se que, no final de janeiro, os dois deputados estiveram envolvidos numa forte polémica quando Ventura sugeriu que Joacine fosse “devolvida ao país de origem”, levando então o Livre (que ainda não tinha expulsado a deputada) a o “racismo” do deputado do Chega.

0Shares

Em destaque

Subir