Economia

Inquérito/CGD: Barroca e filhos de Manuel Fino convocados para audições na próxima semana

Joaquim Barroca, empresário do grupo Lena, e José Manuel Fino e Francisco Manuel Fino, filhos do empresário Manuel Fino, foram convocados para audições na comissão parlamentar de inquérito da Caixa Geral de Depósitos (CGD) na próxima semana.

Joaquim Barroca é ex-administrador do antigo grupo Lena (hoje denominado NOV), que é um dos grandes devedores da CGD, através da empresa Always Special, devia 44 milhões de euros ao banco público em 2015, depois de uma concessão inicial de crédito de 55 milhões, de acordo com a auditoria da EY.

Joaquim Barroca, que também é arguido na Operação Marquês, deverá ser ouvido na quinta-feira, 16 de maio, pelas 09:30, conforme indicado no ‘site’ da Assembleia da República.

Já Manuel Fino tem mais de 90 anos, e de acordo com fonte da comissão parlamentar de inquérito, todos os grupos parlamentares concordaram que seria “mais adequado” chamar os filhos, devido à idade avançada do empresário.

A audição a Manuel Fino estava inicialmente marcada para 07 de maio, tal como a do empresário Joe Berardo, mas ambas foram adiadas, estando a de Berardo marcada para esta sexta-feira, às 14:30, e a dos filhos de Manuel Fino para terça-feira, 14 de maio, às 09:30.

De acordo com a auditoria da EY ao banco público, que não identifica devedores, o nome de Manuel Fino está ligado a uma concessão de crédito inicial de 180 milhões de euros por parte da CGD à Investifino.

Esta operação tinha gerado, em 2015, uma exposição de 138 milhões de euros do banco público à Investifino, de acordo com o documento da auditora.

Os empréstimos terão sido concedidos para financiar a compra de ações da Cimpor, tendo como garantia o valor das próprias ações.

Também na próxima semana deverão ser ouvidos o ex-vice-governador do Banco de Portugal Pedro Duarte Neves e ainda José Rui Gomes, ex-diretor de risco da Caixa Geral de Depósitos.

A audição de Pedro Duarte Neves está marcada para a tarde de quarta-feira, 15 de maio, pelas 17:00, e a de José Rui Gomes para quinta-feira, 16 de maio, pelas 14:30.

Mais partilhadas da semana

Subir