Divertido

Aldeia na Indonésia adora boneca insuflável a pensar que era um anjo caído

Em março, um jovem pescador indonésio anunciou a queda de um anjo, talvez para salvar a Humanidade três dias após o eclipse solar. Como não é todos os dias que cai um anjo do céu, a polícia resolveu investigar… e concluiu tratar-se de uma boneca insuflável que alguém deitou fora.

Durante dias, uma pequena comunidade de Kalupapi, na ilha de Banggai adorou e temeu o anjo caído, que Pardin (o único nome conhecido do jovem pescador) resolveu levar para casa e tratar como… bem, tratar como um anjo.

O misticismo da população local tem uma justificação: três dias antes da queda do anjo houve um eclipse solar, um prenúncio de que algo de sobrenatural estaria para acontecer…

Só que tanta atenção – houve romarias para ver o acontecimento – sobre o caso chamou a atenção das autoridades e a polícia resolveu investigar, pois não é todos os dias que cai um anjo do céu…

Logo no próprio dia, um agente da polícia concluiu que o anjo caído era, na verdade, uma boneca insuflável.

Usada, refira-se, ao ponto de alguém a ter deitado fora…

“Foi confirmado por um elemento da nossa equipa. Era um brinquedo”, confirmou, com toda a formalidade, o comandante da polícia local, Heru Pramukarno, em conferência de imprensa.

O brinquedo sexual ficou confiscado.

Mais partilhadas da semana

Subir