Mundo

Hospital Veterinário Montenegro apoia animais no Nepal

Um dálmata e um gato num registo arrebatador

O Hospital Veterinário Montenegro (HVM) está a organizar uma campanha de angariação de fundos, até ao final de 2015, que consiste numa série de iniciativas, tais como a venda de livros e a disponibilização da indústria farmacêutica em ceder cabazes com material e medicamentos, para apoio aos animais do Kathmandu Animal Treatment Centre (KAT Centre), no Nepal.

Os animais do KAT Centre foram vítimas dos terramotos que devastaram Katmandu em abril e maio deste ano.

Para ajudar esta organização não-governamental, o Hospital Veterinário Montenegro está a desenvolver uma campanha em que na compra de três livros da coleção “Sem Segredos”, metade do valor despendido reverterá a favor da associação.

O hospital irá doar também cabazes de medicamentos e materiais cirúrgicos para ajudar à esterilização e vacinação dos animais.

Luís Montenegro, diretor-clínico do HVM, refere que “o hospital tem orgulho em poder ajudar estas organizações e iniciativas. O trabalho do KAT Centre tem um impacto direto na cidade de Kathmandu, ao controlar o número de animais errantes e outro tipo de doenças, contribuindo, desta forma, para a saúde pública dos habitantes.”

A equipa do KAT Centre, composta por dez voluntários, tem vindo a contribuir não só para o controlo da população de animais errantes e com raiva, assim como para a saúde pública dos habitantes locais.

Os principais objetivos desta organização não-governamental são: a esterilização, resgate e tratamento dos animais; a vacinação antirrábica; a divulgação de campanhas de informação e o desenvolvimento de campos de adopção. Em falta, têm principalmente, materiais cirúrgicos, analisadores de sangue, ecógrafos portáteis e medicamentos.

Para mais informações sobre este projecto, consultar o site do KAT Centre e do HVM.

Em destaque

Subir