Motociclismo

Honda confirma regresso de Jorge Lorenzo no GP da Grã-Bretanha

Jorge Lorenzo vai regressar à ação no MotoGP no próximo fim de semana no Grande Prémio da Grã-Bretanha, confirmou a equipa Honda.

O espanhol Tricampeão do Mundo sofreu uma fratura das vértebras T6 e T8 num acidente a grande velocidade durante o primeiro treino livre do GP da Honda, em Assen, e acabou por ser forçado essa corrida e as duas seguintes, na Alemanha (Sachsenring) e na Áustria (Red Bull Ring).

“É muito bom regressar à Honda. Passou muito tempo desde Assen. Gostaria de ter regressado mais cedo, mas a natureza das lesões significou mais tempo para curar”, afirmou Lorenzo.

O piloto de Maiorca sublinha que lhe foi difícil ficar ‘parado’ mas tudo fez para que este seu regresso fosse na melhor forma possível: “Enquanto estive longe das pistas trabalhei duramente para o mais pronto possível para Silverstone, mas sei que vai levar algum tempo até recuperar a velocidade”.

“Estou contente e pronto para voltar com a equipa, de modo e poder melhor e obter os resultados que sei que podemos conseguir”, refere ainda Jorge Lorenzo, cuja ausência causou bastante especulação sobre um possível regresso à Ducati em 2020.

A verdade é que o piloto da moto # 99 tem um contrato de dois anos com a Honda, mas a verdade é que tem sentido dificuldades em adaptar-se à RC213V, uma moto que parece ser feita à imagem do Campeão do Mundo Marc Marquez.

O melhor resultado de Lorenzo no campeonato até agora foi um 11º posto em França (Le Mans), ocupando um modesto 19º lugar no Campeonato do Mundo.

Em destaque

Subir