Nas Notícias

“Há casos de criminalidade a mais e autoridade das polícias a menos”, diz Francisco Rodrigues dos Santos

Francisco Rodrigues dos Santos, líder do CDS-PP, entende que, em Portugal, “há casos de criminalidade a mais e autoridade das polícias a menos”.

Em declarações à agência Lusa, nos Açores, o líder centrista comentava o apedrejamento de polícias no Bairro Quinta do Mocho, em Sacavém, nos últimos dias.

Para Rodrigues dos Santos trata-se de algo que não é aceitável num Estado de direito.

Os agentes, recorde-se, foram atacados por tentaram acabar com alegados comportamentos contra as regras da Direção-Geral da Saúde no contexto da pandemia.

Francisco Rodrigues dos Santos entende que é chegado o tempo das autoridades colocarem “urgentemente um travão a estes gangues de arruaceiros”.

O líder do CDS-PP entende que estes grupos “impunemente vão varrendo as praias”, os “bairros” e as “ruas”.

Francisco Rodrigues dos Santos fazia alusão também, neste caso, a um episódio de violência e tumultos que ocorreu, nos últimos dias, numa praia do Estoril.

0Shares

Em destaque

Subir