Desporto

Grimaldo salva Benfica com golaço na despedida da Champions

O Benfica derrotou o AEK por 1-0, com um golo de Grimaldo, na marcação de um livre nos últimos minutos, e fechou a participação na Liga dos Campeões com a primeira e única vitória caseira na fase de grupos desta época.

Com a águia já ‘despromovida’ para a Liga Europa e o AEK a saber que se despedia das competições europeias nesta temporada, no Estádio da Luz, Rui Vitória promoveu algumas alterações no habitual figurino encarnado.

Sem Fejsa e Jonas, Alfa Semedo, Seferovic e João Félix foram as novidades no onze benfiquista que apresentou um futebol ‘pobre’ e foi, a espaços, ‘brindado’ com assobios vindos da bancada.

Num jogo de poucas ideias mostradas em campo, nota no primeiro tempo para a lesão de Rafa Silva que saiu pelo próprio pé mas com muitas queixas, tendo sido rendido por Zivkovic.

No segundo tempo, a toada não mudou e o Benfica continuou a jogar num ritmo baixo, lento e previsível perante um adversário que também pouco ia mostrando, num duelo onde se jogava ‘apenas’ pelo prestígio e pelos milhões.

Seferovic foi dos mais inconformados e ia tentando chegar ao golo; golo esse que acabaria por chegar por intermédio de Grimaldo, na marcação de um livre, a castigar falta de Galanopoulos (que foi expulso) sobre Gedson.

O Benfica procurava somar 2,7 milhões correspondentes ao triunfo, e somou-os, despedindo-se da Liga dos Campeões com duas vitórias (ambas sobre os gregos do AEK), três derrotas e um empate.

A partir de fevereiro, a turma encarnada entrará em ação na fase a eliminar da Liga Europa.

1Shares

Mais partilhadas da semana

Subir