Nas Notícias

Governo dos Açores manifesta “grande consternação” com morte de eurodeputado Bradford

O presidente do Governo dos Açores, o socialista Vasco Cordeiro, expressou hoje em nome do executivo regional “grande consternação” pelo falecimento do eurodeputado do PS André Bradford, um “açoriano que dignificou a atividade política”.

“Nas diversas funções políticas e executivas que assumiu ao longo de vários anos, o André Bradford imprimiu sempre à sua ação a lucidez, a inteligência e a capacidade de diálogo que permitiam construir pontes mesmo quando, por vezes, os obstáculos pareciam intransponíveis”, salientou Vasco Cordeiro, em nota enviada à imprensa pelo seu gabinete.

De acordo com o chefe do executivo açoriano, as capacidades políticas de Bradford, “tão necessárias” a tal atividade, mas, sobretudo, as suas qualidades humanas, “mereceram o justo reconhecimento de todos aqueles que com ele tiveram o privilégio de privar”.

“Fui testemunha privilegiada do amor incondicional que o André Bradford nutria pela sua terra, um sentimento que fez com que escolhesse a política como forma e como meio de a servir no exercício de funções públicas”, sublinhou Vasco Cordeiro.

E concretizou: “Por essa razão – pelo desaparecimento prematuro de um açoriano que nunca desistiu de ajudar a sua região a ser melhor -, sinto que os Açores perderam hoje um dos seus melhores, mas que nos deixa um legado que devemos honrar – em sua memória e em nome da nossa terra”.

Fonte do executivo dos Açores indicou ainda à agência Lusa que a agenda oficial dos membros do Governo Regional está suspensa nesta fase devido à morte de André Bradford.

O eurodeputado do PS, que estava em coma induzido desde dia 08 deste mês após um episódio de síncope e paragem cardiorrespiratória, faleceu hoje no Hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada, aos 48 anos de idade.

O eurodeputado tinha tomado posse recentemente no Parlamento Europeu, tendo o socialista açoriano seguido em quinto lugar na lista do PS às europeias de maio.

Natural de Ponta Delgada, André Bradford era licenciado em Comunicação Social e tornou-se em 2000 assessor de imprensa da Secretaria Regional do Ambiente do Governo dos Açores, tendo desempenhado depois funções de assessor político e de secretário regional.

Como deputado à Assembleia Legislativa Regional dos Açores, exercia as funções de líder do grupo parlamentar do PS até ter sido apontado pela estrutura regional do partido para integrar a lista nacional socialista nas eleições europeias de 26 de maio de 2019.

Mais partilhadas da semana

Subir