Nas Notícias

Governo anuncia 45 milhões de euros em material e mais 187 trabalhadores para CP/EMEF

O ministro das Infraestruturas e Habitação anunciou hoje um plano de investimento de 45 milhões de euros para recuperar “material circulante encostado” e contratar 187 trabalhadores para CP e EMEF (Empresa de Manutenção de Equipamento Ferroviário).

Pedro Nuno Santos defendeu este “plano de recuperação do serviço público ferroviário”, entre 2019 e 2022 e cuja primeira fase se estende por 18 meses, a partir do segundo semestre deste ano, com vista à reparação de “cerca de 70 unidades, entre carruagens, automotoras e locomotivas”, em conferência de imprensa, após a reunião do Conselho de Ministros, em Lisboa.

O responsável pela tutela das Infraestruturas revelou ainda que o executivo pretende “iniciar o processo de fusão” entre a empresa pública de transporte por caminhos de ferro e a empresa de manutenção do material circulante para “otimização dos recursos e melhor articulação”.

Mais partilhadas da semana

Subir