Mundo

Google alarga GNI Subscriptions Labs à Europa para ajudar publishers

A Google News Initiative anunciou hoje que vai alargar o programa GNI Subscriptions Labs à Europa para ajudar os ‘publishers’ (editores de media) a aumentarem as suas receitas através da otimização dos seus modelos de subscrição.

O novo programa de nove meses inclui consultoria presencial e ‘online’ para ajudar “os ‘publishers’ a entenderem, experimentarem e otimizarem os seus modelos de subscrição”, refere a Google News Initiative, salientado que as candidaturas abrem hoje.

“A indústria dos media continua a enfrentar grandes desafios à medida que muda a forma como as pessoas encontram e acedem à informação. Ao mesmo tempo, estamos a testemunhar resultados promissores de ‘publishers’ que estão a desenvolver novos modelos de negócios e novas formas de trabalhar para apoiar o jornalismo de alta qualidade na era digital”, afirma a tecnológica.

“O nosso projeto Google News Initiative foi criado para apoiar esta inovação e ajudar o jornalismo a crescer”, recorda a empresa, salientando que esta semana está a realizar a sua segunda cimeira (Google News Initiative Summit) em Amesterdão, num evento que reúne “centenas de ‘publishers’, executivos da indústria de media, editores e académicos de toda a Europa, Médio Oriente e África” para discutir as oportunidades e desafios para a indústria dos media.

A empresa acrescenta que vai “também debater os mais recentes produtos e inovações, além de tópicos importantes, como o papel do ‘machine learning’ nos processos de ‘publishing’ e as novas formas de aumentar as receitas com os leitores”.

“Apesar de muitos dos grandes ‘publishers’ estarem a ter bastante sucesso com as assinaturas digitais, estamos a trabalhar mais para garantir que ‘publishers’ mais pequenos e locais tenham a mesma oportunidade de descobrir o que funciona para os seus conteúdos”, refere a Google.

“No evento desta semana, vamos anunciar a expansão do nosso programa GNI Subscriptions Labs para a Europa construído com base no sucesso de Labs semelhantes na América do Norte e América Latina”, prosseguiu a tecnológica.

O Laboratório Europeu foi desenvolvido em parceria com a FT Strategies e a International News Media Association (INMA) e “está desenhado para ajudar ‘publishers’ europeus a fortalecerem as assinaturas digitais e aumentarem as receitas provenientes dos leitores”.

Sublinha ainda que o programa GNI Subscriptions Labs na Europa “é um dos vários esforços para ajudar os ‘publishers’ a encontrarem novas maneiras de aumentarem as receitas com os seus conteúdos digitais”.

Além disso, a empresa adianta que também trabalha “com muitos ‘publishers’ europeus em produtos como o ‘Subscrever com a Google’, que cria uma maneira simples dos leitores assinarem publicações e manterem o acesso a partir de qualquer local”.

O grupo Le Monde, na França, e o Il Fatto Quotidiano, na Itália, anunciaram as suas implementações em fevereiro, aponta.

“Nos últimos cinco anos, formámos 370.000 jornalistas na Europa através do projeto Google News Initiative e este ano vamos realizar mais três grandes sessões de formação com o Centro Europeu de Jornalismo (CEJ)”, bem como “apoiar mais de 40 organizações ligadas à indústria de notícias para receber um estudante de jornalismo nos meses de verão”.

A Google News Initiative renovou o seu apoio ao Reuters Institute Digital News Report por mais três anos.

0Shares

Em destaque

Subir