Motores

Gil Antunes no Rali Vidreiro a pensar nos pontos

GilAntunesVidreiro1

Gil Antunes e Diogo Correia encaram com grande otimismo a próxima prova do campeonato nacional de ralis, o Rali Vidreiro Centro de Portugal, tendo com objetivo principal marcar pontos.

Depois da prova dos Açores, onde um furo o relegou para o quarto lugar dos ruas rodas motrizes/2 litros o piloto de Sintra acredita que é possível fazer melhor na prova do Clube Automóvel da Marinha Grande.

“No rallye vidreiro vamos centrar as nossas ambições no Campeonato Nacional de Ralis 2 Rodas /2 Litros e na categoria RC3. Não nos foi possível alinhar na primeira prova da época e no momento contamos com um segundo e um qiarto lugar que nos permite ocupar a quarta posição no campeonato, mas lógico que queremos ir mais além e precisamos somar o máximo de pontos”, assume Gil Antunes.

“A nossa ideia é fazer uma prova eficaz, com um andamento vivo, mas sem exceder limites que possam comprometer o resultado final. É um rali que o ano passado nos ‘entendemos’ bem, conseguimos um bom resultado, no asfalto apesar de não ser o tipo de piso onde nos sentimos mais confiantes acho que evoluímos bastante e estamos com um bom ritmo, e vamos fazer os possíveis para dar continuidade a esta evolução e sair da Marinha Grande se possível com um lugar no pódio”, acrescenta o piloto sintrense.

GilAntunesVidreiro2

A dupla do Renault Clio R3T ocupa, além da quarta posição no CNR 2R/2L, o segundo lugar no campeonato destinado às viaturas RC3.

O ralio vai para a estrada na sexta feira à tarde, com a realização de uma dupla passagem pela especial do Farol e a Super Especial na Marinha Grande. No Sábado segue-se uma dupla passagem por Caranguejeira, Espite/Matas e S. Pedro. No total as equipas percorrem 336,82 quilómetros, entre os quais 114,82 disputados em provas especiais de classificação.

4Shares

Mais partilhadas da semana

Subir