Tecnologia

Gideon Sundback: Doodle da Google recorda o criador do zíper, o fecho de correr

gideon-sundbackGideon Sundback, inventor do zíper (fecho de correr ou éclair) é recordado hoje com um Google doodle, no dia em que se assinala o nascimento deste engenheiro sueco naturalizado norte-americano. A invenção do zíper de Sundback permanece atual, apesar de ter sido patenteada há quase um século.

Gideon Sundback nasceu no dia 24 de abril de 1880 e foi um engenheiro eletrotécnico, mas que se destacou pela sua grande invenção: o fecho zíper. Hoje, data em que se assinala o seu nascimento, um google doodle animado homenageia este sueco naturalizado norte-americano, que deixou uma marca eterna com um instrumento simples e muito eficaz.

Sundback nasceu em Sonarp, na Suécia. Era filho de Otto Magnusson Sundback, um agricultor bem sucedido. Depois de iniciar os estudos na Suécia, Gideon Sundback mudou-se para a Alemanha, onde prolongou a sua formação. Em 1903, concluiu o curso de engenheiro, dois anos antes de emigrar para os EUA.

O fecho zíper (ou éclair) foi a grande invenção de Gideon, que o tornou célebre, numa criação que patenteou há cerca de um século, mas que mantém atualidade e que ‘ameaça’ tornar-se eterna. E o doodle de hoje, na página principal do Google, mostra a simplicidade dessa criação de Sundback.

O zíper ou fecho de correr (também chamado em Portugal ‘fecho éclair’) é um sistema utilizado em roupas e em artefatos de couro, composto por duas bandas com dentes metálicos ou plásticos, que se ligam por intermédio de um cursor. Poucos desconhecem o que é um zíper.

Gideon Sundback começou a trabalhar numa empresa de Pittsburgh, Pensilvânia, em 1905, e um ano mais tarde foi contratado para trabalhar para a Companhia Universal Fastener, em Nova Jersey. Casa com Elvira Sundback Aronson, filha do gerente da Fastener Universal. Mais tarde, acaba promovido a designer-chefe desta fábrica sueca.

Sundback realizou diversos avanços no desenvolvimento do fecho zíper, entre 1906 e 1914, enquanto trabalhava. Foi responsável pela melhoria e desenvolvimento de produtos relacionados com o zíper (sem a eficácia deste, no entanto).

Ao longo do tempo, foi melhorando versões de equipamentos semelhantes ao fecho éclair. Em 1914, Gideon Sundback desenvolveu uma versão com base em dentes de bloqueio: o ‘No. Hookless 2’, o zíper de metal moderno. Em 1917, obteve a patente do seu zíper. A patente foi atribuída nos EUA, com o número 1.219.881 (pedida em 1914 e atribuída três anos mais tarde) pelo invento do ziper (fecho Éclair).

O zíper de Gideon Sundback que o doodle hoje recorda começou por ser utilizado em botas e bolsas de tabaco. Apenas duas décadas mais tarde a indústria da moda utiliza esta invenção. É durante a II Guerra Mundial que o zíper alcança enorme aceitação. Sundback também criou a máquina de fabrico do fecho éclair.

Gideon Sundback foi premiado com a Medalha de Ouro da Academia Real Sueca de Ciências de Engenharia, em 1951. Morreu em resultado de problemas cardíacos, em 1954, e foi enterrado no cemitério Greendale em Meadville, na Pensilvânia.

Em 2006, Gideon Sundback mereceu uma homenagem, com a inclusão do seu nome no pátio da fama, que recorda grandes inventores norte-americanos, em virtude do desenvolvimento do zíper. Hoje, volta a ser recordado com um google doodle e com a certeza de que nos quatro cantos do mundo milhões de pessoas apertaram um zíper.

Em destaque

Subir