Mundo

Fundador da Ikea deixou metade da fortuna a instituição

O fundador da Ikea, Ingvar Kamprad, falecido há dois meses, doou metade da sua fortuna – 19 mil milhões de euros – a uma instituição que promove o emprego no norte da Suécia, o seu país natal.

Após a sua morte, a imprensa dava conta de vários milhões de euros que Kamprad havia deixado, aparentemente, sem donos.

Agora, sensivelmente dois meses após a sua morte, o jornal sueco Dagens Nyheter revela que Ingvar Kamprad deixou 19 mil milhões de euros à FKS Foundation, uma instituição que tem como missão criar emprego e melhorar as condições de vida no norte da Suécia.

“O Ingvar sempre teve uma paixão pela Norlândia e costumava visitar a região. Queria criar as condições necessárias para que as pessoas pudessem lá viver, sem ter de sair no futuro”, referiu Per Heggens, CEO da Ikea Foundation.

Kamprad foi reconhecido unanimemente como um dos empresários mais importantes do século XX, tendo sido considerado o homem mais rico do mundo pela Forbes, em 2004.

A restante fortuna do fundador da gigante sueca será dividida pelos filhos do empresário.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir