Desporto

Folha espera Portimonense confiante para não ser surpreendido pelo Sporting

O treinador António Folha disse hoje esperar que o Portimonense “esteja confiante e desenvolva os processos trabalhados” durante a semana, na receção ao Sporting, no domingo, em jogo da terceira jornada da I Liga portuguesa de futebol.

“Sabemos que vai ser extremamente difícil para nós, mas estamos confiantes em fazer um bom jogo. Trabalhámos durante a semana para enfrentar um adversário poderoso, que é um candidato ao título”, disse o técnico dos algarvios.

António Folha falava na conferência de imprensa de antevisão do encontro que opõe o Portimonense, sexto classificado, ao Sporting, quarto, mas com igual número de pontos, quatro, agendado para domingo, às 18:30, no Estádio Municipal de Portimão.

Para o treinador, é importante que o Portimonense entre em campo confiante e que “ponha em campo os processos trabalhados para evitar que seja surpreendido pelo Sporting, uma equipa com excelentes jogadores, que a qualquer momento podem desequilibrar o jogo”.

António Folha afirmou que os algarvios têm tudo “para fazer um bom jogo, existindo um balneário muito motivado, disponível e confiante naquilo que é o processo de jogo da equipa, quer defensivo, quer ofensivo”.

“Temos tudo para fazer um bom jogo, mas há que ter coragem, não ter medo de perder e há que ter muita alegria e boa disposição para se fazer aquilo que mais se gosta. É isso que peço aos meus atletas para amanhã [domingo]”, sublinhou.

Folha considera que a pressão está do lado do Sporting, “pois, se não ganhar, corre o risco de ficar a muitos pontos do primeiro lugar, ao contrário do Portimonense, que joga contra um ‘grande’ e, se perder, é normal”.

“A pressão é para o Sporting, porque para nós é mais um jogo e, se não pontuarmos contra um ‘grande’, iremos continuar a nossa caminhada. Se pontuarmos, são mais pontos que fazemos na nossa caminhada, o que é bom”, indicou.

Para o treinador, o Portimonense “tem de jogar com a sua identidade, com muita organização quando tem a posse de bola, mas a tapar o jogo do Sporting, equipa muito forte a atacar a linha defensiva”.

“Estamos preparados porque trabalhámos muito bem isso, mas espero, de facto, um Sporting forte, precavido e que nos vai dar muito trabalho. Quando nos desorganizarmos teremos de ter muito coração, mas espero, essencialmente, que a minha equipa tenha muita cabeça para pensar bem o jogo e tapar os caminhos para a nossa baliza”, concluiu.

O Portimonense recebe o Sporting às 18:30 de sábado, em jogo da terceira jornada da I Liga.

Mais partilhadas da semana

Subir