Fórmula 1

Fernando Alonso quer terminar a carreira na McLaren

alonso carreira 210 Fernando Alonso quer terminar a sua carreira na Fórmula 1 ao serviço da McLaren, ainda que não esteja completamente certo se ter deixado a Ferrari tenha sido a decisão acertada.

O piloto espanhol sugeriu terminar a sua carreira de F1 na formação de Woking depois de ter sido revelado o seu contrato multianual com a McLaren dias antes do Grande Prémio da China, que no próximo fim-de-semana se disputa no circuito de Xangai.

Alonso referiu que “depois de 15, 16 ou 17 anos de Fórmula 1 chega para um piloto. É provavelmente o mesmo exemplo do tempo que passei na Ferrari – fechei um ciclo, que é parte da minha vida”.

“Comecei com um McLaren Honda quando tinha três anos – uma réplica do meu pai – e vou terminar com um McLaren Honda, mas um a sério na Fórmula 1, e isso terá um terço da minha vida”, prossegue o piloto de Oviedo.

“Vou terminar com grandes experiências, grandes memórias, grandes amizades, mas a vida normal vai começar quando me retirar, e não me vejo a ser diretor ou a seguir a modalidade. Será o suficiente”, assume Alonso.

O espanhol considera também que aos 33 anos as suas prioridades mudaram ligeiramente: “Obviamente que queremos ganhar, porque somos desportistas e somos todos competitivos, mas também devido à minha idade e graças ao momento da minha carreira, preciso de me interessar por outras coisas”, prossegue.

“Tive a sorte de ganhar campeonatos e muitos grandes prémios, e agora às vezes sinto-me mais feliz e mais orgulhoso do meu trabalho e da minha equipa fazendo o que estou a fazer. Há alturas em que se chega à maturidade e a um estado de espírito que é nos mostram que há diferentes prioridades na vida”, acrescenta Fernando Alonso.

alonso carreira

Em destaque

Subir