Motores

Fernando Alonso adotou “gestão de risco” em Sebring

Fernando Alonso somou a sua terceira vitória da época no Campeonato do Mundo de Resistência nas 1000 Milhas de Sebring, que quase pareceram um ‘passeio’ para a equipa do Toyota TS050 Hybrid # 8.

Se no começo da corrida Kamui Kobayashi exerceu alguma pressão sobre o espanhol no TS050 Hybrid # 7, quando estavam decorridas quatro horas e meia de corrida o duelo entre os dois Toyota terminou, quando José Maria Lopez não evitou um contacto com o Aston Martin Vantage da TF Sport.

O incidente do argentino exigiu uma troca de capot do motor e toda a carroçaria traseira, que custou quatro minutos nas boxes e deixou Lopez, Kobayashi e Mike Conway a uma volta dos líderes. Aí ficou definida a ordem da ‘dobradinha’ da Toyota em Sebring, já que o melhor dos outros, o BR # 11 da SMP Racing já estava demasiado longe.

Quando Sebastien Buemi passou para o volante do Toyota # 8 a vantagem já era bastante confortável, ainda que tanto o suíço como Kazuki Nakajima, que realizou a parte final da prova, nunca tenham deixado de estar alerta com as várias ‘ratoeiras’ ao virar de cada curva. A chuva dos últimos 20 minutos permitiu depois a Buemi e Alonso descomprimirem, pois apenas que completar a distância em ritmo lento para confirmar o triunfo.

Ainda assim os vencedores tiveram que ultrapassar as várias situações de ‘safety car’ que poliferaram durante a prova, na maioria das vezes devido a acidentes. Mas o triunfo fez com que a Toyota vá para Spa-Francorchamps, a penúltima prova da época a 4 de maio, com 53 pontos de vantagem no campeonato.

“Foi um dia feliz para nós. Chegamos aqui, a este circuito tão difícil e fizemos muitos testes de preparação para chegar a este ponto. Fomos para o fim de semana bastante confiantes de que teríamos uma forte corrida, particularmente partindo da ‘pole position’”, referiu Fernando Alonso no final da prova.

O piloto de Oviedo acrescentou: “Na liderança da corrida tentamos gerir o risco. A chuva foi bastante stressante mas o Kazuki fez um trabalho fantástico trazendo o carro até ao fim com mais uma vitória numa prova de resistência tão histórica”.

7Shares

Mais partilhadas da semana

Subir