Motores

Félix da Costa e Beirão da Veiga fazem ‘soar’ o hino português em Silverstone

Finalmente Lourenço Beirão da Veiga e António Félix da Costa conheceram o ‘sabor’ da vitória no International GT Open. Foi na segunda corrida da competição no fim de semana em Silverstone. A dupla do BMW M6 GT3 conseguiu passar para a liderança à segunda volta, mas teve de suportar a forte pressão do outro carro da Teo Martin nas últimas voltas.

Infelizmente Miguel Ramos não teve a mesma sorte dos seus compatriotas, no Ferrari # 488 da Spirit of Race, que mais uma vez dividiu com o dinamarquês Mikkel Mac, terminando no 10º posto.

A prova de Félix da Costa e Beirão da Veiga foi iniciada pelo piloto oficial da BMW, que deixou para trás Fran Rueda, no outro BMW da Teo Martin Motorsport. Liderou sem problemas até entregar o seu M6 GT3 a Lourenço, sendo que este teve pela frente um mais agressivo Victor Bouveng. Os últimos minutos de corrida foram emocionantes com o piloto de Lisboa a defender a liderança com ‘unhas e dentes’.

“Foi uma corrida de muita concentração e uma grande vitória para toda a equipa. Já merecíamos. O António esteve fortíssimo no turno dele e entregou-me o carro na frente, depois quando entrei sabia que ia ser atacado, mas mantive-me calmo, sem errar e consegui aguentar até ao fim”, afirmou exausto mas radiante Lourenço Beirão da Veiga no final da prova.

O piloto lisboeta agradece à equipa “pelo excelente carro” que lhe proporcionou este fim-de-semana. “Estamos todos de parabéns, agora é continuar a trabalhar para continuarmos nesta onda de bons resultados”, acrescentou..

Para além da 10ª posição de Miguel Ramos, de destacam o 19º posto de Manuae Da Costa e Miguel Sardinha, que não tiveram também um fim de semana fácil.

29Shares

Em destaque

Subir