Mundo

EUA apoiam legislativas na Guiné-Bissau com 200 mil dólares

Os Estados Unidos anunciaram hoje um apoio às eleições legislativas da Guiné-Bissau, previstas para 18 de novembro, no valor de 200 mil dólares (cerca de 171 mil euros).

“A credibilidade e transparência são fundamentais para o sucesso das eleições e o futuro da Guiné-Bissau e a contribuição vai ajudar a alcançar esses objetivos”, refere, num comunicado enviado à imprensa, Martina Boustani, Encarregada de Negócios da Embaixada dos Unidos em Dacar, Senegal.

O financiamento anunciado pelos Estados Unidos vai ser canalizado para o Programa da ONU para o Desenvolvimento (PNUD) para ajudar a “alcançar a meta de eleições legislativas livres, justas e transparentes”, pode ler-se no comunicado.

“As eleições são um passo importante para construir um futuro estável, próspero e democrático para o povo guineense”, acrescentou a Encarregada de Negócios.

O financiamento dos Estados Unidos vai servir para apoiar o recenseamento eleitoral, incluindo a educação cívica.

A Guiné-Bissau tem eleições legislativas previstas para 18 de novembro, mas atrasos na chegada de ‘kits’ de registo biométrico ao país impediu que o recenseamento eleitoral tivesse início na data prevista, 23 de agosto.

No domingo, 150 ‘kits’ de registo biométrico doados pela Nigéria chegaram a Bissau.

Mais partilhadas da semana

Subir