Desporto

Estoril: Notícia da compra de jogo pelo FC Porto “sem fundamentos, detalhe ou rigor”

Primeiro foi Sérgio Conceição, depois o FC Porto, agora o Estoril. Tal como a norte, a SAD rejeita por completo a notícia sobre uma alegada compra da segunda parte do jogo, a 21 de fevereiro.

Em comunicado, os ‘canarinhos’ reiteraram “a total confiança no profissionalismo e integridade de todos os colaboradores”.

De acordo com a notícia avançada por A Bola, a Procuradoria-Geral da República (PGR) recebeu uma denúncia anónima sobre uma alegada compra de resultado pelo FC Porto, referente à segunda parte do jogo no Estoril.

Rejeitando a ligação a “alegadas práticas ilícitas”, a SAD do Estoril ficou irritada com a “exposição mediática entretanto dada ao tema”, pelo que emitiu o comunicado a rejeitar de forma veemente a notícia.

“Considerando a ausência de fundamentos, detalhe ou rigor das peças jornalísticas referidas, e, em alguns casos, o seu teor difamatório, iremos analisar as medidas legalmente ao nosso dispor para impedir todos os atos que possam pôr em causa o bom nome da instituição Estoril Praia”, salientou a SAD.

0Shares

Mais partilhadas da semana

Subir