Desporto

Enzo Pérez “estava encantado” com possibilidade de jogar no Valência

enzo perez 2A transferência de Enzo para o Valência, segundo Francisco Rufete, diretor-geral do clube espanhol, gorou-se porque o Benfica “acabou por pedir mais dinheiro”, depois de um acordo estabelecido com Peter Lim. O argentino “estava encantado” com a possibilidade de abraçar este desafio, que se esfumou. O Valência não tentará garantir o médio em janeiro.

Em entrevista a uma rádio espanhola, Francisco Rufete abordou a transferência gorada de Enzo Pérez para o clube ‘che’ – gorada devido a alegadas exigências adicionais de Luís Filipe Vieira, depois de um acordo entre os clubes.

A saída para o Valência deixou Enzo Pérez “encantado”, segundo o diretor-desportivo do clube espanhol. E a questão coloca-se: será que em janeiro haverá uma nova ronda negocial?

Não. Rufete afasta esse cerário, porque o plantel de Nuno Espírito Santo não necessita do médio argentino e porque Enzo está “somente concentrado no Benfica”. Na próxima época, “logo se verá”, mas por agora Jorge Jesus pode ficar tranquilo.

Francisco Rufete lembra que a última conversa que teve com Enzo foi após o jogo da Supertaça entre Benfica e Rio Ave, com o argentino de fora e numa altura em que se especulava sobre a sua provável saída.

“Lembro que o Enzo, depois de um jogo da Supertaça, disse que queria ficar no Benfica, porque tinha um sentimento de gratidão com o clube e adeptos. Só demonstra o caráter de um jogador. Enzo é espetacular”, realça Francisco Rufete.

Em destaque

Subir