Desporto

Entrevista a Bruno de Carvalho cancelada após ameaças à equipa do podcast

O podcast Sporting160 cancelou a entrevista a Bruno de Carvalho que estava para ser emitida ontem à noite. “O medo apoderou-se de mim”, explicou o responsável, referindo-se às ameaças de que foi alvo.

No comunicado que publicou na página do podcast no Facebook, o líder do projeto revelou que foi alvo de ameaças, nas quais foi também visada a família.

“Neste primeiro momento perdemos uma batalha, o programa de quarta feira com BdC será adiado, porque o medo apoderou-se de mim e já hoje apresentei queixa na polícia”, escreveu João Castro.

Após 75 programas, o podcast sofreu “um duro golpe”.

“A ameaça, ainda que psicológica, chegou a nós, à nossa família próxima, aos filhos, à liberdade de expressão que sempre pautámos, utilizámos e defendemos”, referia ainda o comunicado.

“Em 75 programas foram variadíssimos os convidados, sabendo que, em muitos casos, poderiam alguns causar polémica”.

“A nossa boa intenção sempre foi pelo esclarecimento, pela informação e paixão que o futebol causa em nós”, defendeu o responsável pelo projeto.

“Há limites para estas situações, tiraram-me aquilo que mais gosto de fazer quando falo do Sporting: liberdade, emoção e amor de discutir sem nunca, mas nunca ameaçar ninguém e pensar apenas e só pela minha cabeça”, insistiu.

Na sequência das ameaças, João Castro falou com os colegas e pediu para se ausentar por uns dias “para colocar em perspetiva tudo o que se está a passar”.

“O Sporting é uma paixão única. O Sporting160 nasceu dessa paixão única e não irá morrer. Mas hoje, um pouco de nós, significativamente livre, foi abatido, mas regressará forte e dedicado a defender aquilo que mais ama no futebol: o Sporting Clube de Portugal”.

Na página de Facebook ‘Leais ao Sporting’, Bruno de Carvalho lamentou os incidentes.

“A candidatura Leais ao Sporting lamenta quaisquer atitudes que configurem atropelos à liberdade de expressão e ao civismo entre sportinguistas e manifesta a sua solidariedade aos responsáveis pelo podcast Sporting160”.

Pedro Madeira Rodrigues, opositor de Bruno de Carvalho em 2017, também já reagiu.

Mais partilhadas da semana

Subir