Mundo

Empresas petrolíferas disponibilizam dinheiro para empreendedorismo jovem em São Tomé e Príncipe

O primeiro-ministro são-tomense anunciou hoje que as empresas petrolíferas Kosmos Energy e British Petroleum vão disponibilizar 20 milhões de dólares (17,4 milhões de euros) nos próximos quatro anos para o empreendedorismo juvenil.

“O problema que fez com que os programas de empreendedorismo jovem nunca fossem bem-sucedidos é o do financiamento”, explicou Patrice Trovoada, acrescentando que “a BP e a Kosmos apostaram porque acreditaram”, com os 20 milhões de dólares em quatro anos a serem atribuídos à Plataforma São-tomense da Inovação (PSI), que distribuirá o financiamento sob a forma de crédito.

Patrice Trovoada fez o anúncio durante um encontro com jovens, promovido pelo governo, para explicar o projeto governamental da PSI.

O governante disse que já estão selecionados nesta primeira fase 100 jovens que vão beneficiar do financiamento e lembrando que os 20 milhões de dólares da Kosmos e BP serão atribuídos a titulo de créditos.

“Os fundos serão objeto de empréstimos, estamos essencialmente numa lógica de fundos de investimento e por conseguinte, um fundo de investimento tem que ser rentável”, disse.

Patrice Trovoada disse que as estruturas de gestão do financiamento estarão criadas até outubro e vão integrar representantes de várias instituições.

Segundo o responsável, o governo definiu por decreto que o fundo será gerido por um conselho de administração integrado por alguns membros do governo, representantes da BP e Kosmos, da Agência Nacional de Petróleos (ANP), Câmara de Comércio Indústrias, Agricultura e Serviços e representantes de algumas organizações internacionais.

Mais partilhadas da semana

Subir