Local

Emigrante oferece 14 viaturas aos bombeiros de Trancoso

Um cidadão de Trancoso, emigrado na Suíça, ofereceu uma prenda de natal antecipada aos bombeiros da terra natal: 14 viaturas seminovas para reforçar a capacidade operacional da corporação.

“São 14 viaturas com poucos quilómetros, quase novas, seminovas”, explicou o comandante da corporação, Luís Vaz, à SIC Notícias.

A oferta é da responsabilidade de António Fonseca, cidadão natural de Trancoso que fez parte da corporação antes de emigrar para a Suíça.

António Fonseca conseguiu convencer o diretor de logística da corporação sediada em Lausanne a oferecer as 14 viaturas, a mais usada com pouco mais de 40 mil quilómetros.

Além de ajudar a corporação de Trancoso a ficar melhor equipada, parte das viaturas serão oferecidas a outras associações humanitárias do país.

Apesar da oferta, o processo de legalização das viaturas terá um custo de cerca de 15 mil euros e deixa, ainda assim, uma lacuna por preencher: as ambulâncias de transporte de doentes.

“A nível operacional, de incêndios urbanos e desencarceramento já recebemos muito material dos bombeiros suíços. A nível de ambulâncias, de transporte de doentes, é que existe uma lacuna. Fazem muitos transportes, muitos quilómetros e a nossa frota está velha”, acrescentou o comandante.

António Fonseca acompanhou a chegada das viaturas até Trancoso e regressou à Suíça. Na próxima viagem, conta a SIC Notícias, pode vir a ser homenageado pelo gesto.

Mais partilhadas da semana

Subir