Desporto

Elsa Judas critica lista de Bruno de Carvalho: “Vale trair e espetar facas nas costas”

Elsa Tiago Judas ‘explicou’ o motivo que a levou a recusar fazer parte da lista de Bruno de Carvalho, insinuando – mas sem identificar – que nessa mesma lista há quem “espete facas nas costas de amigos”.

A ex-dirigente do Sporting fez um breve comentário no Facebook enquanto Bruno de Carvalho apresentava a candidatura à presidência do Sporting e antes de ir participar num debate televisivo sobre o momento dos leões.

“Espero que neste momento todos tenham entendido porque recusei ser presidente da mesa da Assembleia-Geral de Bruno de Carvalho”, comentou.

Pelas respostas recebidas, a mensagem não passou, com os comentários a pedirem explicações.

Mas o texto continuava com ‘alfinetadas’ bem grossas.

“Eu tenho valores”, reforçou Elsa Judas.

“Há pessoas para quem vale tudo… inclusive trair e espetar facas nas costas de amigos e se essas pessoas não são afastadas, afastei-me eu”, justificou a ex-dirigente.

Mais partilhadas da semana

Subir