Motores

Elisabete Jacinto conclui aventura feminina em Marrocos

ElisabeteJacintoGazelles13

Elisabete Jacinto e France Clèves concluíram a maior prova feminina de todo-o-terreno, o Rallye Aïcha des Gazelles, que mais uma vez teve como ‘palco’ o deserto marroquino.

A dupla luso-belga completou a sexta e última especial esta quinta-feira. Um percurso de 235 quilómetros onde conseguiu validar corretamente os 11 pontos obrigatórios desta segunda etapa maratona da prova.

Uma tirada que foi cumprida ao longo de dois dias sem interrupções, ligando Mhamid e Foum Zguid, e que teve como grandes desafios a travessia das dunas do Erg Chegaga e a passagem pelo lago seco Iriki.

Apesar da grande complexidade desta etapa a equipa 402 conseguiu ultrapassar todas as dificuldades completando com sucesso o trajeto proposto, aguardando as classificações finais que serão dadas esta sexta-feira ao meio-dia, após o que aserão consagradas as grandes vencedoras deste rali. Recorde-se que

ElisabeteJacintoGazelles12

Elisabete Jacinto iniciou a sexta e última etapa desta prova em sétimo lugar entre as participantes da categoria Expert, e à chegada ao acampamento reconheceu que esta derradeira especial foi uma das mais complexas de todo o rali.

“Esta etapa maratona foi muito complicada. Houve uma tempestade de areia o que tornou a travessia do Erg Chegaga ainda mais difícil. Não conseguíamos encontrar as referências necessárias para podermos avançar e para piorar a situação a neblina foi uma constante ao longo dos dois dias”, explicou a piloto do Montijo.

“ Todas estas situações transformaram a navegação numa tarefa exaustiva. Ontem, no meio das dunas, tivemos um percalço com uma das equipas Expert pois bati-lhes na traseira. Mas, felizmente foi só um pequeno toque e ficou tudo bem”, revelou ainda Elisabete Jacinto.

3Shares

Mais partilhadas da semana

Subir