Desporto

“É uma tristeza que alto quadro de grande clube vá ser julgado por corrupção”, diz Varandas

Frederico Varandas, presidente do Sporting, comentou a decisão da juíza Ana Peres, no âmbito do caso E-Toupeira, onde a SAD do Benfica não vai a julgamento, ao contrário de Paulo Gonçalves.

Varandas aproveitou a deslocação do Sporting até ao norte do país, onde defronta o Vitória de Guimarães, para marcar presença no núcleo de Fafe.

Na primeira aparição pública depois de ser conhecida a decisão da juíza Ana Peres, o presidente do Sporting fez apenas um curto comentário sobre o assunto.

“É uma tristeza para o futebol português que um alto quadro de um grande clube vá ser julgado por corrupção”, atirou, citado pelo jornal Record.

Questionado sobre a sua confiança na justiça, Frederico Varandas acrescentou:

“Como Sá Carneiro dizia, a política sem risco é uma chatice mas sem ética é uma vergonha. No futebol é igual”.

Mais partilhadas da semana

Subir