Desporto

Diretor do FC Porto castigado por palavras de… setembro do ano passado

Luís Gonçalves, diretor-geral do FC Porto, foi castigado pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol por palavras dirigidas a Ricardo Duarte, membro do Conselho de Arbitragem (CA), em setembro do ano passado.

O incidente ocorreu a 14 de setembro, quando os dragões foram empatar a um golo em Chaves, numa partida a contar para a primeira jornada da fase de grupos da Taça da Liga.

Num momento em que o membro do CA tinha acedido, sem autorização à zona técnica, o dirigente do FC Porto deu-lhe ‘ordem de expulsão’.

“Vai-te embora daqui. Não te quero aqui! Estamos cheios desta m…, cheios. (…) Não te quero aqui, vai-te embora!”, afirmou Luís Gonçalves, segundo a queixa apresentada por Ricardo Duarte.

Estas expressões levaram o CD a castigar o diretor portista com uma multa de 750 euros.

Já a SAD do FC Porto e o diretor de campo, Ricardo Carvalho, foram absolvidos das infrações de que estavam acusados, pois Ricardo Duarte e Célio Ferreira (também membro do CA) estavam na zona técnica sem autorização.

15Shares

Mais partilhadas da semana

Subir