Insólito

Vem das férias com sanguessuga de sete centímetros no nariz

sanguessuga da daniDurante um mês, Daniela Liverani teve um ‘passageiro clandestino’ no nariz. A britânica regressou das férias no Vietnam com uma gorda e comprida sanguessuga escondida no nariz.

O habitual, no regresso de férias no estrangeiro, é trazer uma recordação do país que se visitou. Mas Daniela Liverani preferia ter trazido outro bibelô.

Quando voltou do Vietnam, onde passou vários dias numa rota pela Ásia de mochila às costas, esta britânica de 24 anos trouxe uma gorda e comprida sanguessuga. Gorda como um dedo e com sete centímetros de comprimento.

Mais insólito ainda foi a ‘toca’ escolhido por este ‘bichinho de estimação’, que esteve um mês alojado no nariz.

O esconderijo era tão bom que, das poucas vezes que a sanguessuga veio espreitar o exterior, Daniela pensava tratar-se de um derrame de sangue.

“Eu tinha caído de uma mota, pelo que da primeira vez pensei que tinha rompido algum vaso sanguíneo. Quando cheguei a casa, já não sangrava do nariz e pensei que ‘aquilo’ seria sangue coagulado”, explicou.

Mas a ‘hemorragia’ persistia e a jovem foi até ao hospital, onde lhe removeram o hóspede indesejado.

Em destaque

Subir