Motores

Dani Sordo termina manhã na frente do Rali de Portugal

O começo da competição do segundo dia do Rali deu primazia a pilotos que não ‘abriam’ a estrada e por isso conseguiram ganhar tempo, com Dani Sordo a capitalizar o facto de ser o mais rápido na especial mais longa da manhã, Ponte de Lima, para assumir a liderança da prova.

O espanhol da Hyundai foi o mais rápido no troço de 27,5 quilómetros, ganhando mais de quatro segundos na classificação a Kris Meeke, que fora o mais rápido na primeira passagem por Caminha e é o ‘ponta de lança’ da equipa Citroën neste começo do rali, apesar de também Craig Breen ter estado em bom plano.

O terceiro ‘herói’ da manhã foi Hayden Paddon, que se impôs na primeira especial do dia, e que terminou a manhã a apenas duas décimas de Meeke, e confirma que está competitivo, apesar de regressar à competição em Portugal após um período de ausência.

‘Limpando’ a estrada, Sebastien Ogier acusou naturalmente esse facto e perdeu tempo, mas essa perda não chegou aos oito segundos, embora da parte da tarde isso possa continuar. O mesmo se aplica a Thierry Neuville, que conclui a manhã a menos de 10 segundos de Sordo.

No entanto o rali já reclamou a suas primeiras ‘baixas’, com Ott Tanak a retirar-se depois de danificar o radiador do seu Yaris WRC na especial Viana do Castelo 1. Na classificativa seguinte foi a vez do seu companheiro de equipa Jari-Matti Latvala ficar parado, depois de um toque numa pedra que terá danificado a suspensão do Toyota.

 

Um furo na primeira especial do dia afastou Pontus Tidemand da liderança dos WRC2, onde passou a comandar Stéphane Lefebvre no novo Citroën C3 R5. O francês concluiu a secção matinal com 27,5s de vantagem sobre o britânico Gus Greensmith, aos comandos de um Ford Fiesta R5, pertencendo a terceira posição da categoria ao polaco Pieniazek, em Skoda Fabia R5.

Já em termos dos portugueses Armindo Araújo assumiu a liderança logo na primeira classificativa e não mais a deixou, terminando a manhã com 31,9s de vantagem sobre Miguel Barbosa. Diogo Salvi é terceiro, mas já a mais de cinco minutos do piloto da Hyundai Portugal Motorsport.

Classificação após a PE4

1º Dani Sordo/Carlos del Barrio (Hyundai) 48m02,4s

2º Kris Meeke/Paul Nagle (Citroën) + 4,6s

3º Hayden Paddon/Sebastian Marshall (Hyundai) + 4,8s

4º Sebastien Ogier/Julien Ingrassia (Ford) + 7,3s

5º Thierry Neuville/Nicolas Gilsoul (Hyundai) + 9,4s

6º Andreas Mikkelsen/Anders Jaeger (Hyundai) + 10,5s

7º Craig Breen/Scott Martin (Citroën) + 14,8s

8º Elfyn Evans/Daniel Barritt (Ford) + 20,3s

9º Teemu Suninen/Mikka Markkula (Ford) + 23,0s

10º Mads Ostberg/Torsen Eriksen (Citroën) + 25,4s

Mais partilhadas da semana

Subir